Empreendedor

O sonho de empreender da Maria e o sucesso do Minimercado Glória

Postado em: 22 de Janeiro às 11:21

A Maria começou a empreender com pouco e conseguiu montar seu minimercado em São Paulo

Cearense e de origem humilde, Maria do Livramento superou os obstáculos até chegar aonde chegou. Depois de migrar até São Paulo e viver experiências no comércio, a empreendedora decidiu montar o próprio negócio e dar um futuro diferente à sua família.

Conheça a sua história e descubra como ela se tornou uma das grandes ganhadoras do Prêmio Academia Assaí!

 

COMO TUDO COMEÇOU

Maria do Livramento (38 anos) saiu da região de Jericoacoara (CE) e, com 14 anos de idade, foi para São Paulo viver as experiências de vida e profissionais que tanto buscava.

Conseguiu seu primeiro emprego em uma padaria, trabalhando no balcão e também pondo a mão na massa, onde ficou durante 3 anos. Tirou proveito do que pôde para aprender o máximo sobre o comércio e as tarefas do dia a dia.

Aos 17, deixou a padaria para trabalhar em um restaurante de culinária árabe, mantendo-se lá por 6 anos e também aprendendo tudo sobre o serviço.

Como já tinha experiência, recebeu uma proposta para voltar à padaria em que trabalhou de início e, em busca de crescimento profissional, Maria não pensou duas vezes: aceitou a oportunidade e ficou lá por mais 3 anos!

Apesar de já estar a par de tudo o que envolvia o serviço, ela ainda pensava em algo mais para poder se virar. Ela mesma conta sobre seu espírito de liderança e sua proatividade, que a ajudaram muito a conquistar o que tem hoje.


Participação da Maria do Livramento no curso de Pizzaiolo do Prêmio Academia Assaí.

“Eu sempre fui assim, trabalhando bastaste e, com meu jeito ‘autoritária’, gosto de resolver as coisas e fazer da melhor forma possível. Por isso, resolvi arriscar em algo meu.”

Uma de suas primas tinha um comércio embaixo da casa onde morava. Embora se esforçasse, o mercadinho não estava indo muito bem. Baixa mercadoria, poucos clientes. Foi quando ela resolveu oferecer o ponto de venda para Maria do Livramento.

A prima fez uma proposta inicial um pouco alta e Maria negociou para poder colocar o mercadinho de volta à ativa sob nova direção. Depois de entrarem em um acordo, Maria adquiriu o mercadinho de sua prima.

No início, foi bem difícil de manter. As compras eram feitas de forma parcelada e Maria contava com o movimento dos clientes para vender e pagar as dívidas ao mesmo tempo. Mas, com sua astúcia e veia empreendedora, ela conseguiu reerguer o comércio e fez uma boa clientela em todo o bairro.

Seu negócio agora era este: cuidar do mercadinho e fazer seu nome na região. Visto o crescimento ao longo do tempo e a força que tinha para a gestão de negócios, Maria teve de dar um passo adiante na sua carreira e reuniu esforços para adquirir um novo ponto comercial, mais amplo, em uma região mais visada, e, assim, progredir com sucesso.

 

NASCE O MINIMERCADO GLÓRIA

Assim que terminou de pagar o mercado que comprou de sua prima, Maria do Livramento conseguiu mudar de endereço para inaugurar sozinha seu novo comércio.

Nasce, em 2011, o Minimercado Glória! O nome foi uma sugestão que veio dos clientes. Conta ela: “Todo mundo que entrava no mercadinho me dizia que ele era uma glória no bairro, porque tinha de tudo! Conversei com meu marido e não tinha nome melhor para colocar, já que também foi um momento de glória em nossas vidas”.

Sua experiência com o comércio fez Maria entender melhor o que os clientes precisavam e ela viu que, quanto mais variedade e qualidade, mais ainda as pessoas buscavam seu mercadinho, encontrando tudo em um único lugar.

Desde caixa de fósforo até carnes e produtos de limpeza, o Minimercado Glória se destaca pela variedade de produtos e pelo atendimento próximo para fidelizar a clientela.

Maria conta que começou a montar o mercado com tábuas de guarda-roupa para fazer as primeiras gôndolas e, conforme foi prosperando, investiu o dinheiro dos lucros em infraestrutura para melhorar o ambiente.

“No início, não foi fácil. Mas, com muita fé, consegui comprar o salão em que estamos hoje e, aos poucos, fui montando do jeito que eu queria. Parcelei tudo no começo para poder ter condições de pagar e, graças a Deus, consegui”, revela.

Atualmente, o Minimercado Glória é um sucesso no bairro. A Maria tem duas funcionárias registradas, mas toma conta de tudo pessoalmente, trabalhando de domingo a domingo, das 6h às 21h.


Entrada do Minimercado Glória em São Paulo.


Interior da loja da Maria do Livramento com diversas opções de produtos.

VIVENDO O PRÊMIO

A Maria do Livramento faz questão de dizer que é muito curiosa e gosta de correr atrás do que precisa para melhorar seu trabalho, sua rotina e, consequentemente, seu futuro.

Desde que decidiu montar o minimercado, sempre compra no Assaí Atacadista e a unidade em Jacu Pêssego é a sua principal fonte de mercadorias. Certa vez, ao visitar a loja para reabastecer o seu estoque, ela ouviu a rádio anunciar a Semana Presencial de Capacitação para microempreendedores.

Interessada no mercado e na possibilidade de fazer contatos por meio da ocasião, ela resolveu participar e concluiu as 30 horas semanais. Um momento de muito aprendizado que abriu portas para novos desafios!

Assim que terminou a Semana Presencial, soube das inscrições para o primeiro Prêmio Academia Assaí e não pensou duas vezes. Com a ajuda de sua filha Edlane (19 anos) e de suas funcionárias, ela se preparou para todas as etapas, conferindo cada videoaula e adquirindo a certificação necessária para se inscrever.

Depois de todo o processo, veio a notícia mais esperada: ela estava entre os finalistas do Prêmio!

Maria diz que, sinceramente, seu objetivo era simples: fazer contato com outros empreendedores e aprender ainda mais sobre seu negócio: “Só a experiência e a convivência com as outras pessoas já valeram muito a pena. Conhecer o Assaí por dentro também foi muito legal!”

E, por estar concorrendo na categoria Ponto Fixo, Maria ainda teve outro grande momento. Ela venceu como empreendedora-destaque dessa edição! Com isso, foi agraciada com R$ 10 mil, mentoria especializada, renovação de peças do enxoval de trabalho e visual de marca (oferecidos pela MegaMidia Group).

“Nossa! Fiquei muito feliz quando o Belmiro (presidente da rede Assaí Atacadista) me chamou. Nem tinha caído a ficha! Depois que peguei o prêmio, fui direto ao Assaí e gastei a metade com produtos na promoção de aniversário de 44 anos”, contou.

Se ela ficou feliz? Muito! Além de muita alegria, Maria tem determinação e sabe que, quanto mais se especializar e aprender o necessário, maiores serão as conquistas daqui para a frente.


Momento em que Maria da Glória recebe o prêmio de empreendedora-destaque e cheque de R$ 10 mil.

O QUE VEM POR AÍ

O ponto de venda da Maria vai muito bem. Com opções para todos os gostos e atendimento personalizado para cada um que visita o seu mercado, ela já é conhecida por ser prestativa e ouvir os clientes naquilo que precisam.

Com o sucesso do minimercado e o dinheiro do Prêmio, ela conseguiu a ajuda de que precisava para pagar as contas e aprovisionar ainda mais mercadoria.

Para um futuro próximo, o desejo da Maria é abrir um Minimercado Glória também na sua terra, lá no Ceará, para oferecer o melhor aos clientes da região com o que ela sabe de verdade fazer.

Outra possibilidade é montar ainda um restaurante por lá, mas ela ainda vai decidir a melhor forma de empreender e atender à clientela.

É muito bom ver essa transformação com tanto aprendizado! A Academia Assaí só tem a ganhar com histórias como essa, que mostram o quanto é possível atingir o sonho de empreender e conquistar tudo o que se quer com muito planejamento e conhecimento.

Continue lendo mais notícias e conheça relatos inspiradores como o da Maria!

VOLTAR

Vitrine do Fornecedor

Torcida
Coca-cola
Ekma
Nita Alimentos