DicasEmpreendedor

Passo a passo para começar um delivery de alimentos

Postado em: 22 de Maio às 14:14 Por Redação

Saiba como seu negócio pode oferecer o serviço de delivery de alimentos para reduzir os impactos financeiros do período de distanciamento social

Mesmo antes do distanciamento social, o delivery de alimentos em diferentes aplicativos já havia ganhado bastante força entre os clientes. Começar a oferecer esse serviço no seu negócio pode ser uma boa maneira de diminuir o impacto financeiro causado pelo coronavírus. Confira abaixo os passos necessários para criar um delivery de alimentos efetivo!

PASSO 1 – PESQUISE O MERCADO A QUE VOCÊ VAI ATENDER 

O começo da jornada para abrir seu delivery de alimentos será fazer uma pesquisa detalhada sobre o mercado a que você vai atender. Para isso, você precisará analisar a sua região de atendimento. O local é mais residencial ou comercial? Se for uma região com mais casas ou prédios, significa que existe um público maior para seu negócio.

Caso seja um local mais focado no comércio, tente pesquisar se os funcionários das empresas costumam comer nos restaurantes das redondezas ou comem no refeitório do local. Converse com as pessoas da recepção, guardas de rua, equipe de limpeza ou até mesmo reserve um horário com os donos ou funcionários dessas empresas, dizendo que quer conversar com eles para entender melhor o fluxo e o movimento no dia a dia.

Outro ponto importante que deve ser observado é o tamanho da sua concorrência na região. Se você pretende abrir uma pizzaria, por exemplo, será necessário buscar quantas outras pizzarias estão disponíveis nessa área. Se você tiver um número considerável de concorrentes, será preciso pensar quais são os diferenciais do seu produto e como seu negócio poderá conquistar os clientes.

Para fazer todas essas pesquisas, é bem simples. Use o mapa do Google para ver como é a sua região de atendimento e quais concorrentes estão próximos. Depois disso, analise o perfil desses outros estabelecimentos no Facebook e veja como eles funcionam, qual é o cardápio deles e o que os clientes comentam.

PASSO 2 – PLANEJE COMO SEU PRODUTO VAI CHEGAR AO CLIENTE

Conforme abordado em nosso post sobre como preparar seu negócio para atender nos aplicativos de delivery de comida, o planejamento é essencial. Para isso, será preciso analisar três coisas: o cardápio, como seus produtos serão embalados e quem fará a entrega.

Seu cardápio precisará ser pensado para que você sempre ofereça produtos que cheguem frescos e da melhor forma possível aos seus clientes. Lembre-se que, após o preparo, esses alimentos serão embalados e passarão pelo trajeto de entrega. Por isso, considere que receitas que levam molhos ou caldos podem vazar, sendo uma experiência ruim de pedido.

O que vai ajudá-lo a fazer com que seus produtos cheguem bem são as embalagens. Atualmente, existem diversos tipos no mercado. Na edição 38 da Revista Assaí Bons Negócios, fizemos um dossiê completo falando de todas as opções que você pode escolher. Além daquela que preserva os produtos, você também precisará considerar aquelas que se encaixam melhor no seu orçamento.

Por fim: quem entregará seus produtos? Essa será uma decisão que poderá ser tomada no próximo passo.

Modelos de embalagens para delivery

PASSO 3 – ESCOLHENDO QUEM FARÁ AS ENTREGAS

Depois de planejar como seu produto chegará aos clientes, você precisará decidir quem vai transportar os pedidos. Aqui será preciso analisar algumas opções, que são: contratar um motoboy, terceirizar uma empresa de entregadores ou entrar em uma plataforma de delivery.

Essa escolha deve ser tomada com base no quanto você tem disponível para gastar. Será preciso colocar em suas contas o valor de contratar um profissional de entregas ou terceirizar uma empresa que irá disponibilizar alguns desses entregadores nos seus dias de atendimento.

Caso seja mais interessante para seu negócio, é possível optar pelos aplicativos de delivery disponíveis no mercado. Eles permitem que você escolha entre planos com e sem entregadores, que variam nos valores. A vantagem desses apps é a enorme base de clientes para qual o seu estabelecimento estará disponível.

No início, para fazer um teste de como será o trabalho com delivery de alimentos e não gastar muito com entregadores, você pode experimentar fazer algumas entregas com seu veículo pessoal.

PASSO 4 – PENSANDO EM MÉTODOS DE PAGAMENTO 

Seja em uma plataforma que oferece a opção de cartões de débito ou até mesmo fazendo o delivery por conta própria, você precisará considerar adquirir máquinas de cartão. Atualmente, não são apenas os bancos que oferecem esse tipo de tecnologia, ficando mais fácil escolher aquela que trará mais benefícios para o seu negócio. Lembre-se que os entregadores precisarão carregar esses aparelhos durante os pedidos. Por isso, é interessante pensar em uma máquina portátil, que não exija muitos dados de celular, afinal, é necessário se conectar à internet por meio do telefone para aprovar os pagamentos.

Consulte também se a máquina de cartão que você escolheu permite que seus clientes paguem usando vale-refeição, pois isso permitirá que seus produtos alcancem mais pessoas.

PASSO 5 – DIVULGUE!

A propaganda é a alma do negócio. Por isso, divulgar seu serviço de delivery de alimentos será muito importante. Nessa hora, toda ajuda é válida. Peça para que seus amigos e familiares divulguem que seu negócio agora faz entregas. Anuncie isso também nas suas redes sociais, para que os seguidores considerem conhecer os seus produtos. Por fim, se você se comunica com seus clientes por aplicativos de mensagens, mande as novidades para eles e até mesmo ensine como eles podem continuar aproveitando suas receitas.

DICA PARA AGILIZAR OS PEDIDOS: PREPARE-SE ANTES DE COMEÇAR A ATENDER

Estabelecer a rotina de atendimento do seu negócio será bem importante. Isso porque a agilidade na hora de preparar os pedidos, bem como a qualidade do seu produto, ajuda a deixar o seu estabelecimento com uma avaliação boa, permitindo que mais pessoas possam conhecê-lo. Por isso, antes mesmo de começar o expediente de atendimento, deixe pronto todos os ingredientes necessários para preparar os alimentos. Outra forma de melhorar essa agilidade é, se não afetar a qualidade do seu produto, deixar congeladas algumas partes essenciais para o preparo.

Gostou desse passo a passo de como começar um serviço de delivery de alimentos? Então acesse a matéria especial sobre delivery na Revista Assaí Bons Negócios e aprofunde seus conhecimentos no assunto!  

Post mais vistos

Vitrine do Fornecedor

Unilever
DelValle
Coca-cola