AtualidadesEmpreendedor

Conheça a história da cerimonial que precisou reinventar sua empresa

Postado em: 04 de Maio às 18:41 Por Redação

Conheça a história de quem precisou reinventar o seu negócio para manter as atividades durante o período de quarentena.

Com a recomendação de distanciamento social para combater a disseminação do vírus, o setor de eventos enfrenta um enorme desafio. Casamentos, aniversários e eventos corporativos foram cancelados e, ainda, não é possível identificar quando serão retomadas normalmente as atividades. Entretanto, por mais desafiador que seja o cenário, o empreendedor precisa observar todas as possibilidades e, assim, buscar maneiras para se reposicionar e seguir em frente.

Há sete anos atuando como cerimonial de eventos em Curitiba, Débora Servo recebeu pedidos de cancelamento de contrato logo que os primeiros casos da doença foram confirmados no Brasil. Como atende principalmente festas de aniversário, percebeu que seria impossível manter as atividades no salão de festas onde promove os eventos. Logo, necessitaria de uma alternativa porque mesmo durante o período de quarentena, os custos fixos continuariam.

Além dos próprios compromissos financeiros, a cerimonial se preocupou com a sua rede de parceiros. Confeiteiras, salgadeiras, artesãs que dependem diretamente das festas que organiza. Após duas semanas sem conseguir trabalhar, ficou mais evidente a necessidade de repensar o próprio trabalho. “Criei um pacote de mini festa, com decoração, bolo, doces e salgado. A ideia é comemorar em casa, apenas com pessoas do grupo familiar”. Todos os itens da festa é entregue de uma só vez na casa do cliente, desta maneira ela tem mais controle dos protocolos de higiene, diminuindo o contato entre clientes e os fornecedores.

Academia Assaí - Como reinventar a empresa durante o período de quarentena
Festa organizada pela cerimonial Débora durante a quarentena

Debora faz toda a divulgação, negociação e, ainda, o planejamento, organização e montagem da festa.  Para conseguir entregar tudo com a máxima qualidade, ela criou uma equipe que faz tudo dar certo. “Ao todo são sete profissionais do setor de festas que trabalham neste projeto. Além de nos fortalecermos, nós descobrimos que juntos somos mais fortes”, ressalta.

Academia Assaí - Reinventar a empresa
Mini festa realizada em casa com o tema Patrulha Canina

Foi atenta às necessidades dos clientes que ela encontrou uma solução para se reinventar e retomar as rédeas do próprio negócio. “Todos queriam manter a sua família em casa e protegida, mas, ao mesmo tempo, gostariam de comemorar o aniversário. Desta maneira todos saíram ganhando, meus clientes tem as suas necessidades atendidas, enquanto eu e meus parceiros conseguimos nos manter financeiramente”, conta.

Academia Assaí - Reinventar a empresa durante o período de crise
A cerimonial Débora com a família durante a festa da filha realizada durante a quarentena

Ainda nas primeiras semanas com o novo formato da empresa, ela se surpreendeu com a aceitação do público. “Embora o projeto seja para um momento emergencial, porque não visa grandes lucros, já que a população como um todo está buscando economizar, acredito que no futuro é um formato que teria mercado para continuar”, finaliza Débora.

Assim como muitos empreendedores brasileiros, Débora enfrenta as inúmeras adversidades, acreditando na capacidade do seu trabalho para se abrir ao novo e, assim, se reinventar para manter o seu negócio ativo.

Post mais vistos

Vitrine do Fornecedor

Unilever
DelValle
Coca-cola